Sala de Imprensa

Press releases

O satélite impulsiona uma gestão inteligente das explorações agrícolas e pecuárias

13 de Novembro de 2019

A Hispasat e Eurona desenvolvem dois projetos piloto, em colaboração com Florette e Digitanimal, que permitem o monitoramento dos cultivos e do gado em tempo real.

Segundo as previsões do relatório “Perspectivas de População 2019” da FAO, o setor agroalimentar deveria estar digitalizado em 70-80% nos próximos 5 anos para responder aos desafios encontrados neste âmbito.

MADRI, 13 de novembro de 2019. Hispasat, a operadora espanhola de satélites de comunicações do Grupo Red Eléctrica, e Eurona, a multinacional espanhola de telecomunicações, implementam dois projetos piloto para promover a transformação digital do setor agroalimentar no meio rural e mitigar a desigualdade digital no campo através de tecnologias como o satélite e o hotspot Wi-Fi. As iniciativas estão sendo realizadas nas províncias de Ávila e Alicante em colaboração com pecuaristas e agricultores locais.

O primeiro deles está sendo desenvolvido conjuntamente com a empresa Digitanimal, fabricante de sistemas de localização e monitoramento do gado. Este projeto está facilitando a conectividade por satélite de uma propriedade de 400 hectares de monte abulense mediante uma antena orientada à frota da Hispasat que permite enviar à central de controle os dados emitidos pelos sensores usados por 130 cabeças de gado.

O outro projeto piloto situa-se em um campo de cultivo de Florette, a empresa de saladas e verduras embaladas, onde foi instalado o hotspot Wi-Fi via satélite. Esta tecnologia proporciona conectividade de banda larga para que os funcionários da propriedade transmitam os dados de gestão dos cultivos nos seus dispositivos móveis em tempo real, sem ter que deslocar-se a zonas mais afastadas com conectividade terrestre.

Ambos os trabalhos foram apresentados no marco de DATAGRI, o maior encontro de digitalização do setor agroalimentar da Espanha, celebrado nesta semana em Zaragoza.

A tecnologia de satélites proporciona conectividade naquelas regiões onde as telecomunicações terrestres são insuficientes, e permite aos agentes presentes no âmbito rural aderirem ao processo de transformação digital. Na Espanha, a cobertura de banda larga nas zonas rurais ainda é deficiente e há mais de 2.040 povoados que não dispõem de acesso à Internet[1].

Neste sentido, o uso destas inovações beneficia tanto as empresas que realizam a gestão inteligente das explorações agrícolas, permitindo-lhes ampliar sua participação de mercado e chegar a territórios que carecem de comunicações terrestres, quanto os próprios empresários agrícolas, a quem lhes facilita a tomada de decisões, aumenta sua produtividade e reduz os consumos de água, adubos e fitossanitários. Esta tecnologia também garante a rastreabilidade dos produtos e contribui para minimizar o impacto da atividade agropecuária no meio ambiente.

Como funciona a tecnologia por satélite

A viabilidade e imediatez da tecnologia por satélite da Hispasat permitem dotar de conexão à Internet a qualquer ponto da Espanha, o que a converte na solução tecnológica ideal para o setor agroalimentar.

De forma complementar, a tecnologia hotspot da Eurona pode dotar de pontos de acesso Wi-Fi via satélite as explorações agroalimentares para facilitar as comunicações dos agricultores, a operação das propriedades e o envio de fotos e informações obtidas sobre o terreno em tempo real.

Além disso, um terminal de satélite de pequenas dimensões, baixo consumo e fácil instalação pode encarregar-se de transmitir de forma contínua os dados enviados pelos sensores que monitoram o gado ou as plantações.

Por último, os terminais de satélites autoapontáveis são uma solução ótima para proporcionar conectividade em ambientes de mobilidade como a maquinaria agrícola. Todos estes terminais podem funcionar com um painel solar.

Agricultura 4.0, um passo fundamental para responder ao crescimento da população mundial

Na Espanha, cerca de 3,2 milhões de pessoas ainda não podem acessar uma rede de qualidade, principalmente nas zonas rurais, despovoadas ou de difícil relevo.

Considerando esses dados, e de acordo com as previsão da ONU, que indicam que até 2050 a população mundial crescerá mais de 33% atingindo 9,1 bilhões de habitantes, a Eurona e a Hispasat buscam dar resposta aos desafios trazidos por esse crescimento, aumentando a produtividade e a sustentabilidade do setor agrícola que, segundo as previsões do relatório “Perspectivas de População 2019” da FAO, deveria estar digitalizado em 70-80% nos próximos 5 anos para poder satisfazer o aumento da demanda de alimentos.

Para tornar possível este objetivo, ambas as instituições trabalham conjuntamente na implantação de soluções IoT (Internet das Coisas, por suas siglas em inglês) que atendam às demandas específicas do setor agroalimentar, tornando possível a chegada da denominada “Agricultura 4.0”. Ou seja, a digitalização, automatização e agilização de processos que promovam a competitividade do setor graças a uma maior precisão na utilização de recursos: uso inteligente de fertilizantes, redução do consumo de água, vigilância das colheitas, controle de doenças e pragas, etc.

Sobre a HISPASAT

A empresa do Grupo Red Eléctrica HISPASAT é formada por empresas com presença tanto na Espanha como na América Latina, onde a sua filial brasileira HISPAMAR está localizada. A HISPASAT é líder na difusão e distribuição de conteúdos audiovisuais em espanhol e português, incluindo a transmissão de importantes plataformas digitais de DTH (Direct to Home) e Televisão de Alta Definição (HDTV). A HISPASAT também provê serviços de banda larga e conectividade via satélite que abrangem acesso à Internet, mobilidade e backhaul de redes celulares, bem como outras soluções de valor agregado para governos, corporações e operadoras de telecomunicações nas Américas, Europa e norte da África. A HISPASAT é uma das principais companhias do mundo em receita no seu setor e a principal ponte de comunicação entre a Europa e as Américas. www.hispasat.com

Sobre a Eurona

Eurona Wireless Telecom (EWT) é uma empresa multinacional espanhola de telecomunicações que oferece serviços de acesso de banda larga, de nova geração, e leva Internet de alta velocidade aonde os outros não chegam, utilizando tecnologias sem fio e por satélite. A multinacional está cotada no Mercado Alternativo de Ações (MAB) desde 2010, tem presença em mais de 20 países e conta com mais de 40 mil clientes. Para mais informações: www.eurona.com

Contato de imprensa:

Víctor Inchausti – t +34 91 710 25 40 – vinchausti@hispasat.es

Cristina Amor (Diretora de Comunicaçao & Marca y Relaciones Institucionales) – t +34 699 67 41 23 cristina.amor@eurona.com


[1] Cifra de municípios sem acesso à Internet de, pelo menos, 10 MB por segundo, segundo dados do Relatório de Cobertura de Banda Larga na Espanha de 2018. Ministério de Energia, Turismo e Agenda Digital.


Este sitio web usa cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios y recoger información sobre su navegación. Si pulsa "aceptar" o continua navegando consideraremos que admite el uso e instalación en su equipo o dispositivo. Encontrará más información en nuestra Política de Cookies.